Seguidores

domingo, 10 de fevereiro de 2013

Depoimento - Carolina - MÃOS E PERNAS AMPUTADAS


CAROLINA - MÃOS E PERNAS AMPUTADAS

REDAÇÃO: FERNANDO AMERICO – SBT (ADAPTAÇÃO)

                   

SEMPRE DIFERENTE - NUNCA TIVE VERGONHA DE NADA, SEM VERGONHA
“Eu sempre fui diferente...sempre tive o sorriso no rosto, nunca tive vergonha de nada, sempre fui sem vergonha (risos)Nisso eu sempre fui diferente de minha mãe, que era muito calada...Ela é uma guerreira. Sempre me ajudou muito, me ensinou tudo o que eu sei.

QUANDO FUI PRA ECOLA FOI UM CHOQUE - PERCEBI A DIFERENÇA
Quando fui pra escola, foi um choque...foi ai que eu percebi o quanto eu era diferente.

DESENHO – NÃO TENHO MEDO DE ENFRENTAR
Eu descobri isso quando a professora colocou a turma inteira para colorir um livro com uma gravura de uma árvore. Eu colori de rosa.
Um garoto veio tirar sarro de mim, porque minha árvore era rosa....
Eu não tenho medo, quando eu estou numa situação difícil, é aí que eu vou pra frente mesmo! Aí eu mostrei pra todo mundo o desenho e a professora perguntou pra todo mundo qual desenho era o melhor desenho, o meu ou o dele. Todo mundo gostou mais do meu. Aí eu percebi o quanto é bom ser diferente”

ANDAR DE BICILETA E CARRO - SENSAÇÃO DE LIBERDADE
Diferente da maioria das pessoas eu aprendi andar de bicicleta sozinha...Me dava uma sensação de liberdade e diferente dos outros também eu aprendi a dirigir sozinha. Eu sempre fui muito independente.
SEMPRE TOMEI FRENTE NAS COISAS - NUNCA IMAGINEI GANHAR UMA ELEIÇÃO PRA VEREADORA
Eu sempre fui de tomar frente das coisas, mas não imaginava ganhar a eleição pra vereadora. Se eu for adiante na minha carreira política, eu quero chegar a Brasília, pra defender o direito das pessoas com deficiência ao trabalho. Só assim a gente pode fazer a diferença.

A MORTE DE UMA COLEGA DE FACULDADE MARCOU MUITO MAS DEU FORÇA TAMBEM - DECOBRI Q TODOS TEM DEFICIENCIA DESCOBRI QUE SEMPRE FALTA ALGO NAS PESSOAS
Um coisa que me marcou muito e ao mesmo tempo me deu muita força, foi a morte de uma colega da faculdade. Disse a ela pra fazer exames e no fim ela descobriu que tinha um tumor no cérebro. E quando vi ela morrendo eu percebi que todo mundo na vida é deficiente. Não só eu, mas você, ele e todo mundo em todo lugar é deficiente, porque pra todo mundo sempre falta alguma coisa... A gente só pode ser completo unindo as nossas diferenças, sendo solidário.

IMAGEM NÃO É NADA CONHEÇA MINHAS IDEIAS - TENHO QUALIDADES EMOÇOES...
Quem vê minha imagem não me conhece por inteiro. Eu sou mais que uma deficiente. Eu tenho qualidades, sentimentos, emoções, prazeres... Eu tenho meus desejos, minha força, minha vontade...
Tudo isso me faz forte...tudo isso me faz diferente...
Tudo isso me faz perfeita!carolparaguacu@yahoo.com.br
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...